O Que é Mais Barato: Impressora a Jato de Tinta ou Impressora a Laser? Uma Comparação de Custos


O maior presente que recebi (de mim mesmo) no ano passado foi uma impressora a laser. Exatamente o modelo que escolhi uma impressora multifuncional da Brother, modelo DCP7065DN com função de impressora, copiadora e scanner. O processo de decisão de selecionar esta impressora a laser (examinando as especificações, etc) já daria para tema do post por si só, mas o objetivo do post de hoje é comparar os custos de capital e operacional entre as impressoras a laser e jato de tinta. Ao fazer isso, meu objetivo é ajudar você a decidir se substitui sua impressora a jato de tinta por uma a laser.

Motivações para fazer um upgrade para uma impressora a laser

Antes de adquirir esta nova impressora, eu já tinha usado várias impressoras a jato de tinta baratas. Você sabe do que falo – modelos básicos da Canon e HP de impressoras a jato de tinta – aquelas que não fazem nada, apenas imprimem uma página por minuto e ajuntam poeira.

Enquanto estas impressoras, sem dúvida, requerem menos despesas na compra inicial, mas descobri que elas são semelhantes as recargas de lâmina de barbear que eu uso. A compra inicial é somente a ponta do iceberg no que se refere aos gastos. Não – a verdadeira máquina de fazer de dinheiro destas impressoras baratas está na tinta que periodicamente precisa ser comprada a fim de mantê-las funcionando.

O que vim a descobrir foi que o custo de 3 cartuchos ultrapassa o preço da própria impressora. Note que um cartucho imprime apenas 200 páginas mais ou menos.

Descobri também que as impressoras HP rejeitam todas as tintas recondicionadas/ recicladas, mais baratas que as normais, que tentei comprar. Portanto, fui forçado a continuar comprando a tinta mais cara, da própria marca HP. Você deve estar me perguntando, sistema muito bom eles têm, hein?! Você acha que é uma coincidência ou não que a impressora rejeitou tudo que coloquei nele sem a marca HP Eu vou deixar para você decidir…

Psicologicamente, imprimir com esta impressora jato de tinta “barata” tornava-se caro para minha mentalidade barata de pensar e eu me encontrei evitando completamente imprimir em casa, mesmo que isso significasse ter que imprimir as escondidas no trabalho. Basicamente, deixou de ser conveniente ter uma impressora em casa.

Eu “sabia” que queria uma impressora a laser só para sentir como eu poderia ser um pouco mais liberal com o meu uso da impressora em casa. No entanto, eu definitivamente compreendo que muitas pessoas estão mais “em cima do muro” com esta decisão e eu imagino que todos vocês apreciariam ver alguma matemática aplicada apenas para ver quanto dinheiro pode ser economizado usando uma impressora a laser para auxiliar a tomar a sua decisão.

Comparação de custos e Análise de ponto de quilíbrio impressora a jato de tinta versus impressora a laser.

Então, vamos analisar o que é mais barato, comprar e operar uma impressora a laser ou uma impressora a jato de tinta. Para isso, temos de fazer algumas suposições (como acontece com a maioria de todas as análises). Eles estão listados abaixo:

Suposições da análise de custos

  • Assuma que os custos operacionais de eletricidade são os mesmos.
  • Assuma que os custos com papel são os mesmos. Nós também vamos ignorar a questão da impressão de 1 ou 2 páginas por folha.
  • Para a impressora a jato de tinta, vamos usar esse modelo que eu costumava ter – HP Deskjet D1660, que comprei por R$ 125.
  • Para a impressora a laser, nós vamos usar o modelo que tenho atualmente – Brother multifuncional DCP7065DN impressora/copiadora/scanner, que comprei por R$ 900.
  • A impressora a laser veio com uma unidade de tambor de tinta (para 12.000 páginas) e cartucho de toner inicial (para aproximadamente 700 páginas).

Custos da impressora a jato de tinta

  • Custo de compra – R$ 125 (não veio com qualquer cartucho de tinta)
  • Cartucho de tinta original HP 60 (capacidade de impressão, 200 páginas no máximo) – somente tinta preta – R$ 45.

Custos da impressora a laser

  • Custo de compra – R$ 900
  • Cartucho Toner Brother TN-450- alto rendimento – R$ 130 (preto e branco – 2600 páginas – não serão necessários para as primeiras 700 páginas)
  • Tambor de tinta Brother DR-420 – R$ 260 (12.000 páginas – não serão necessárias para as primeiras 12.000 páginas, desde que foi incluído na caixa com a impressora nova).

Custo aproximado de impressão por página e o ponto de equilíbrio

Para a impressora a jato de tinta, um novo cartucho de tinta foi comprado a cada 200 páginas e para a impressora a laser, um novo cartucho de toner foi adquirido aproximadamente a cada 2.600 páginas.

Abaixo estão listados os resultados da análise:

Impressora a laser

  • Custo total de impressão de 12.000 páginas = R$ 1.550
  • Custo médio por página = R$ 0,13

Impressora a jato de tinta

  • Custo total de impressão de 12.000 páginas = R$ 2.870
  • Custo médio por página = R$ 0,24

Fazendo as contas, descobrimos que o “ponto de equilíbrio”, ou o número de páginas que é preciso imprimir para equilibrar o custo de compra/operação entre para a impressora a laser e a de jato de tinta é de 4.400 páginas.

O que isso significa para você?

Nesta análise de custo, temos visto que o custo médio por página para uma impressora a laser é bem menor do que para uma impressora a jato de tinta, desde que você imprima um significativo volume suficiente. Também vimos que uma impressora a laser (dependendo do modelo que você usar) torna-se mais barata para possuir/operar após ter imprimido 4.400 páginas. Eu imagino que esse número total de páginas muda se você considerar a impressão a cores em uma impressora a laser versus uma a jato de tinta.

Então, agora eu estou pensando – “4.400 páginas não parecem muito? Realmente imprimirei tanto?”.

Em primeiro lugar, vamos apenas considerar que uma pessoa, em média consome 4.400 páginas impressas por ano. Em 52 semanas por ano, isto equivale a 84 páginas por semana ou 12 páginas por dia. Na realidade, isso soa como uma quantidade bastante razoável de impressão. Naturalmente, se vários membros da mesma família ou do escritório usam a mesma impressora, o número total de páginas impressas aumenta e você entra no mundo onde possuir/operar uma impressora a laser é muito mais barato do que a impressora a jato de tinta.

No entanto, de acordo com uma pesquisa que li, um escritório de médio porte usa aproximadamente 10.000 folhas impressas por ano. Supondo os custos de possuir/operar uma impressora, a impressora a laser sai muito mais barata do que uma a jato de tinta.

Qual o resultado de tudo isso?

Simples. Dar uma olhada em suas necessidades pessoais usar a impressora em casa e começar a contar as páginas. Se o resultado for aproximadamente de 4.000 páginas por ano, eu diria que você provavelmente poderia economizar algum dinheiro se mudasse para a impressora a laser.

Em suma, não há dúvida que os fabricantes de impressora de jato de tinta são bons de marketing. Infelizmente a venda dessas impressoras beneficia mais o lojita do que o consumidor. A maioria dos consumidores estará melhor com uma impressora a laser do que de jato de tinta e a razão é simples: o toner é mais barato e dura mais que tinta.

Se você imprime muito mas seus documentos não são (ou não precisam ser) coloridos, você estará melhor com impressora a laser porque elas usam toner. Toner não seca como tinta. Mesmo que você imprima documentos a cores, uma impressara a laser é ainda assim melhor. O toner de cor é mais caro que o toner preto mas mesmo assim você ainda economiza dinheiro comparando com o jato de tinta.

Há um caso em que o jato a tinta é melhor: é quando você precisa imprimir com qualidade de foto. O fator de decisão dever ser quão frequentente isso ocorre com você.

Independente de minhas preferencias, a escolha é sua. Mas se você considerar gastos totais, a impressora a laser ganha sem questão de dúvida.


One thought on “O Que é Mais Barato: Impressora a Jato de Tinta ou Impressora a Laser? Uma Comparação de Custos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *