Qual o Melhor: Fundos Imobiliários ou Investimento Direto em Imóveis?


Muitos investidores reconhecem que é importante diversificar seus investimentos e obter diferentes tipos de ativos. Como resultado, a idéia de incluir imóveis em uma carteira de investimentos se torna uma opção.

Para o investidor, há duas maneiras principais para incluir imóveis em carteira: fundos imobiliários e investimento direto em imóveis.

O que é fundo imobiliário?

Fundos imobiliários são negociados como ações na bolsa. São uma carteira de imóveis do mesmo tipo. Podem incluir imóveis residenciais, comerciais, industriais. Alguns fundos imobiliários incluem unidades de armazenamento, hipotecas, centros comerciais ou uma combinação.

A idéia é que você pode participar do setor imobiliário sem realmente possuir diretamente a propriedade.

Para aqueles que querem participar do setor imobiliário mas não têm o capital para investimento direto, fundos imobiliários podem ser uma escolha razoável para um plano financeiro. Há fundos imobiliários que fornecem a capacidade de diversificar através de tipo de propriedade, localização geográfica e muito mais. Além disso, há fundos imobiliários que pagam dividendos.

Liquidez também pode ser um problema. Como fundos imobiliários podem ser comprados e vendidos como ações, eles são bastante líquidos – ao contrário do investimento direto em imóveis, que pode ser difícil de vender rapidamente se você precisar. No entanto, ao mesmo tempo, você corre o risco de perder um pouco de dinheiro se o gestor do fundo fizer uma má decisão ou se algum componente da carteira dele tiver problemas.

Investindo em imóveis diretamente

Mas o investimento direto em imóveis tem algumas vantagens. Se pagar uma entrada decente e tiver a capacidade de gerenciar os imóveis de forma eficaz (ou contratar alguém para administrá-lo), uma propriedade para ser alugada pode ser um grande trunfo. De maneira geral é melhor pensar em possuir um imóvel para aluguel como investimento e negócio. Comparado com fundo imobiliário, não é uma renda verdadeiramente passiva mas a quantidade de trabalho pode ser minimizada.

Ao possuir uma propriedade você terá mais controle sobre o investimento. Além disso, tem algo físico como propriedade. Mesmo que os mercado cair e a propriedade perder seu valor financeiro, o fato de que você ainda tem um ativo tangível em que você pode morar ou usar de alguma forma permanece. Enquanto a propriedade tiver inquilinos, você terá uma renda mensal.

Do lado negativo, porém, possuir imóvel diretamente significa que você é responsável por ele. Estará encarregado de resolver problemas de inquilinos, terá que lidar com a cobrança de aluguel e escolher inquilinos que não irão destruir sua propriedade.

Qual é o melhor?

Tanto fundos imobiliários como investimento direto têm com vantagens e desvantagens. No final, você tem que pesar as opções e decidir qual delas melhor se adequa ao seu estilo. Alguns investidores preferem uma mistura. Outros preferem um tipo sobre o outro, por uma série de motivo. Antes de investir, porém, verifique se você sabe o que está fazendo e compreenda os riscos.


Clique aqui p/ deixar um comentário 0 comentários